quarta-feira, 1 de setembro de 2010

TE AMO! MAS... POR QUÊ?





TE AMO! MAS... POR QUÊ?


Por quê?
As coisas deveriam se diferentes:
os sonhos...
os pesadelos medonhos...
A dor que dilacera.
Por que?
Para quê fazer tempestades?
Se apenas machuca: a alma, o coração.
Por quê?
Te amo!
O amor mais bonito,
o carinho mais infinito...
As coisas deveriam ser diferentes...
Talvez!
Eu não estaria aqui, só, na minha solidão
povoada, pensando num anjo...
Anjo que tem asas para voar...
E voa.
Por quê?
Não tenho a resposta.


kira, Penha Gonçales

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sentimentos... lirismos, verdades da Alma e coração.

ESCRITOR, PARABÉNS PELO SEU DIA!

foto de Penha ESCRITOR, PARABÉNS PELO SEU DIA! Me levas a viagens desconhecidas Traz conhecimento para minha vida Na lua já estive N...