segunda-feira, 26 de abril de 2010

BRINCADEIRA DA VIDA


imagem google

BRINCADEIRA DA VIDA


Cessem os sentidos
Extingua-se minha vida...
E nessa sensação estranha
Em que tudo foge da minha mente
E eu não consigo firmar meu corpo
Sua imagem é uma constante
Brincadeira da Vida...
Traquinagem da morte
A vida me trouxe voce
Em hora inoportuna
Quando a minha hora já havia passado...
A Morte... quer me levar
Por aqui, meu tempo já passou
Mas não cedo sem luta
Sou guerreira!
Armo-me da Armadura de meu Pai
Empunho Sua Espada e vou para a guerra
Certa de que vencerei
Mais esta batalha...
Quanto a voce, moço...
Talvez não esteja mais contigo
Mas esteja certo:
Estarei em frente a platéia da Vida
Sempre! Aplaudindo a sua SEMPRE e constante
VITÓRIA!
Eu te amo sim!
E isto levarei comigo...
para a Eternidade!


Kira, Penha Gonçales





p.s. REalidade cruel! Coração insano...
Como posso numa hora dessas pensar em ti? Como me considerar normal se numa hora dessas minha vontade é a de estar na sua frente, dizer-te dos meus receios e receber o consolo de um abraço seu? Como posso estar escrevendo num momento deste?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sentimentos... lirismos, verdades da Alma e coração.

ESCRITOR, PARABÉNS PELO SEU DIA!

foto de Penha ESCRITOR, PARABÉNS PELO SEU DIA! Me levas a viagens desconhecidas Traz conhecimento para minha vida Na lua já estive N...